Comida mexicana

0 Flares 0 Flares ×

Uma das preocupações  que costumeiramente temos ao visitar o México é com a comida, pois os mexicanos são famosos pelo apego à pimenta. Confesso que fiquei com medo disso antes de viajar. Chegando lá, esqueci da pimenta, mas continuei com medo da comida que via pelas ruas. Os mexicanos adoram comida de rua e há muitos camelôs vendendo variados tipos de tacos e assemelhados. Nada de errado com isso, mas as condições de higiene e o cheiro da comida me assustavam muito.

 Em razão de tudo isso, nos dois primeiros dias de viagem comi no McDonalds e no Burger King, apesar de não apreciar muito esse tipo de comida. Como eu já estava carente de comida de verdade, tive que procurar um lugar para comer que me inspirasse confiança, até que achei o Vips, uma rede de restaurante presente em abundância em todo o país. Até em Puebla tinha Vips. São ambientes agradáveis, limpos, com bom preço e comida boa. E não é fast-food, não; é a la carte. Vejam o que comi por lá.

DSC_1568

 Na imagem acima são as Enchilladas poblanas, uma espécie de panqueca (mas a massa é diferente), com recheio de frango. O molho verde é apimentado, uma delícia!

DSC_1620

Aqui temos as Enchilladas suizas, que são menos interessantes que as primeiras. Acho que essas eram recheadas com frango também, mas o molho não é tão interessante quanto o primeiro, senti falta da pimentinha. 

DSC_1371

Aqui temos os maravilhosos tacos. O único problema dos tacos é que a massa é muito dura. Esses também eram recheados com frango, mas o melhor de tudo foram os molhos. Quebrei meu preconceito com a guacamole, que achei uma delícia! Esse molhinho verde é apimentado e delicioso também. Percebam que todos esses pratos são acompanhados de uma pastinha de feijão em cada prato com umas massas de taco (não sei se tem outro nome).

DSC_1370

Numa das vezes que fui ao Vips, pedi uma entrada que parece sobremesa: uma salada de frutas. 

DSC_1621

A única sobremesa que comi lá foram essas crepes recheadas de queijo roquefort, com molho de frutas vermelhas e sorvete. É uma refeição. Seria mais gostoso se servissem apenas uma crepe e não três. Fica enjoativo, mas é muito bom.

DSC_1569

Eis o café/cappuccino que tomei lá. Cada dia fui experimentando uma coisa diferente, para conhecer a culinária mexicana. Gostei muito. A pimenta dos pratos não é forte, é bem saborosa.

Para não dizer que eu só frequentei o Vips, agora vou mostrar algo que comi em outro lugar.

IMG_20140920_220015902[1]

Os mexicanos têm o hábito de tomar café e comer pão doce no lugar do jantar. Por isso, há vários lugares no país que são bastante frequentadas de noite. É comum oferecerem uma cesta de pão doce (vários formatos e recheios diferentes) para que escolhamos um para acompanhar nossa bebida. Interessante…

Finalizando, é possível comer bem no México por menos de R$ 30,00.  Bom, não?

Rapidinhas

Andei fazendo algumas descobertas nessas experiências gastronômicas: o catchup mexicano não é tão doce quanto o nosso, está mais próximo de nosso molho de tomate; quando os garçons peguntam se a água ou o suco é natural ou mineral, quer dizer: natural ou com gás; as frutas mais comumente servidas na Cidade do México são melancia, mamão e melão.

Muito +

Veja o álbum fotográfico da Cidade do México

Veja todos os posts do México