Comprinhas na Cidade do México

0 Flares 0 Flares ×

Quem não gosta de viajar, conhecer culturas incríveis e, além de tudo, encontrar coisas legais com bons preços? No México é assim. Comprei um pouco do que coisas que precisava ou que simplesmente queria muito: coisas de mulherzinha, artesanato local e livros, é claro! Falarei um pouco de cada categoria.

DSC_1623

 Sim! Vale a pena comprar maquiagem na Cidade do México. Em razão da proximidade com os EUA, há muitas marcas americanas que são bem comuns em qualquer lojinha que vende cosméticos. Marcas como Jordana, Kleancolors, L. A. Colors, NYC, Wet n’ Wild… podem ser encontradas em lojinhas dentro de estações de metrô ou qualquer outra, como a Trendy, bem comum por lá. São marcas com produtos de qualidade e com preços super baixos. Não comprei muita coisa porque não precisava, mas confesso que fiquei tentada.

Os batons com acabamento mate da Jordana saem por menos de R$ 3,50 e são batons sequinhos, com boas cobertura e duração. Também podemos encontrar produtos que não encontramos no Brasil com facilidade ou que realmente não existem aqui para vender, como é o caso da base Stay matte, da Rimmel London (~ R$ 33,00) e da máscara The Rocket, da Maybelline (~R$ 21,00).

A marca Bissú é mexicana, tem grande variedade de produtos e é fácil de ser encontrada. Comprei para experimentar uma base em pó que é muito comparada com a Studio Fix Powder da MAC. Não tenho a da MAC, mas já experimentei a Bissú e gostei bastante. É super barata: ~ R$ 8,00. Os produtos da MAC não são tão baratos como nos EUA, mas são bem mais baratos do que no Brasil. Na loja da MAC do aeroporto da Cidade do México, um batom custa 19 dólares e a base Prolongwear custa 37  dólares; na loja da MAC no centro da cidade, o batom custa em torno de R$ 40,00. No Brasil, no aeroporto de Guarulhos, um batom da MAC custa 22 dólares; na loja da MAC nos shoppings ou na Sephora, o batom custa R$ 66,00. Pois é… é essa a diferença.

DSC_1627

Creio que tudo no México é mais barato do que no Brasil, inclusive todas as marcas mais famosinhas e que todo-mundo-sempre-quer. Não comprei muita coisa, apenas umas coisinhas que estava precisando ou que eram ótimas oportunidades. Essas bolsas superbonitas que eu realmente precisava, custaram mesmo de R$200,00 cada uma. É de uma marca mexicana que tem produtos bem bonitos e baratos. Na C&A mexicana, comprei blusas que precisava e queria por valores entre R$30,00  e R$40,00. Gostei bastante dessas aquisições, super BBB (bom, bonito e barato).

DSC_1624

Para quem quer comprar souvenir mais baratos, aconselho o Mercado de Artesanías de la Ciudadela, onde há muitas coisas para ver que são bem mais baratas do que no resto da cidade e ainda podemos negociar o preço. Encontrei coisas por menos da metade do preço das que eu pesquisa em outras partes da cidade. 

DSC_1626

 Também é nesse mercado que encontramos objetos de prata boa e com bom preço. Aliás, a prata é bem mais barata aqui do que no Brasil. Esse colar com parte preta e os dois anéis custaram por volta de R$ 200,00 todos os três juntos. 

DSC_1625

Não podia deixar de comprar alguns livros de autores locais ou de autores não locais, mas com o mesmo idioma. Sempre faço isso em países com idioma que consigo ler. Acho que ajuda a compreender a cultura local.

DSC_1622

Eis minhas humildes aquisições resumidamente. Em suma, vale a pena comprar no México, não apenas porque é mais barato do que no Brasil, mas também porque há coisas locais interessantes e produtos americanos que não costumamos encontrar facilmente no Brasil. Tudo com bom preço. Muito bom! 

Muito +

Veja o álbum fotográfico da Cidade do México

Veja todos os posts do México