10 Dicas para ter o hábito de leitura


0 Flares 0 Flares ×

Não há como negar os benefícios que o hábito de leitura nos trazem. Vou citar apenas alguns: melhora da escrita, ampliação de vocabulário, viagem sem sair do lugar, ampliação da visão de mundo etc. Contudo, muita gente não sabe como começar a ler com certa sistematicidade. Há, inclusive, aqueles que acreditam que ler é chato. Não acredito nisso. Como revisora de textos, tenho a seguinte opinião: não há textos chatos, há textos mal escritos.

Pode parecer contraditório o que vou dizer, mas não é: não acho que as pessoas têm que desenvolver o hábito da leitura, porém acredito que todos necessitam ser colocados em contato com práticas que desenvolvam esse hábito. Ainda acredito no livre arbítrio, um vez colocado em contato com a leitura, o sujeito poderá optar por tornar-se um leitor voraz, ou não. A grande maioria das vezes o resultado é positivo.

Chega de trololó, vamos às dicas:

1. Escolha o tema e o estilo que te interessam: como todo se interessa por alguma coisa na vida, ler sobre essa coisa é um bom modo de começar a ler habitualmente. Isso funciona para qualquer pessoas. Já fiz esse teste. Conheci uma pessoa que dizia que não gostava de ler, deixei perto dela um livro sobre um tema que ela gostava. Ela devorou o livro. É importante também o tipo de texto, o gênero literário, pois o mesmo assunto pode ser abordado em formatos diferentes (romance, HQ etc.). Escolher o estilo que mais combina com você faz muita diferença.

2. Crie uma rotina: estipule quantidade de páginas para ler por dia ou, se não conseguir ler todos os dias, por semana. Se você já escolheu o tipo de leitura que pretende iniciar, procure se organizar reservando um período para isso, 15 ou 30 minutos já é um bom começo.

3. Escolha os melhores local e horário: em qual horário e onde você poderá se concentrar melhor? Definir essas coisas também é muito importante; caso contrário, a leitura será sempre postergada.

4. Integre-se em redes sociais: comece a integrar grupos de pessoas interessadas em leitura. Além de boas indicações de leitura, falar sobre o assunto ajudará você a ficar mais próximo da prática de ler. A rede social Skoob é específica para leitores. Crie um perfil lá.

5. Frequente bibliotecas e livrarias: assim como falar sobre leitura ajuda a desenvolver o hábito de ler, ficar próximo de concentrações de livros também ajuda. Em bibliotecas e livrarias sempre descobrimos títulos interessantes  e podemos conhecemos pessoas com as mesmas preferências. Porém, evite comprar em livrarias físicas, pois pela internet você paga mais barato, principalmente nos sites do Submarino, da Livraria Saraiva e na Estante Virtual, uma rede de sebos.

6. Experimente os mais lidos: se você não tem ideia de por onde começar, veja as indicações de pessoas que estão habituadas a ler e anote os mais bem avaliados entre publicações recentes e livros clássicos. Além de maioria tender a ter razão, leitores vorazes são mais criteriosos para selecionar livros.

7. Escolha livros baratos ou gratuitos: se você não quer investir porque não tem certeza se desenvolverá o gosto pela leitura, compre livros em sebos ou baixe livros eletrônicos gratuitos. Consulte o site Domínio Público e faça sua pesquisa.

8. Perceba oportunidades de leitura: o que você faz quando está dentro de um transporte público, em fila de banco, em aeroportos, pontos de ônibus…? Leia.

9. Faça e divulgue desafios literários: estipule desafios a você mesmo, como ler a trilogia 1Q84, de Murakami, no próximo semestre. Estabeleça seu desafio e conte para as pessoas próximas. É sempre bom ter testemunhas que no futuro nos farão passar vergonha ao nos lembrar de nosso desafio caso desistamos dele.

10. Crie uma wishlist: faça uma lista dos livros que pretende adquirir. Ficar em “estado de namoro” com essas obras é extremamente estimulante.

DSC_1650

 É isso aí! Se você conhece alguma outra dica legal para desenvolver o hábito da leitura, deixe sua sugestão na caixa de comentários abaixo.

Viaje na leitura, já que a vida real é insuficiente!