Guaratinguetá: a cidade de Frei Galvão

0 Flares 0 Flares ×

 Guaratinguetá é uma daquelas cidades que giram em torno de um filho da terra famoso, nesse caso, Frei Galvão. Já vimos aqui neste blog cidades como essa: Lisieux (Santa Terezinha do Menino Jesus), Aparecida (Nossa Senhora Aparecida), Fátima etc. Ao lado de Aparecida, Guaratinguetá é uma das cidades do Vale do Paraíba que atrai o turismo religioso. Aliás, Aparecida, antes do fenômeno da aparição de Nossa Senhora, fazia parte de Guaratinguetá.

Percorramos a cidade! Chegando ao centro, encontramos a…

 Catedral Santo Antonio de Guaratinguetá

DSC_0601

Construída no século XVII e em estilo colonial, essa catedral, além de ter sido a primeira da cidade, é famosa por ter sido onde Frei Galvão foi batizado e onde ele rezou sua primeira missa. 

Além de ser bem atuante na área da construção civil (parece-me que projetou espaços tal qual um arquiteto), Frei Galvão era famoso por seus poderes de cura. Recentemente,  em 2007, foi canonizado pelo Papa Bento XVI, quando tornou-se o primeiro santo nascido no Brasil.

DSC_0579

Essa catedral é bem bonita por dentro. Percebemos que o estilo barroco colonial ainda é mantido.

DSC_0574 DSC_0578
DSC_0577 DSC_0582

Saindo da igreja, virando à esquerda, descendo um pouco a rua e entrando à esquerda novamente, encontramos a…

Casa de Frei Galvão

DSC_0583

 Nessa casa colonial toda bonitinha nasceu Frei Galvão, está abaixo a placa que não me deixa mentir.

DSC_0584 DSC_0585

Explorando a casinha, vemos um montão de coisas. Há um expositor com coisas de Frei Galvão: pedaço de ossos, cabelos e outros que tais. Não gosto muito dessas coisas, não…

DSC_0586

Preferi ver os objetos originais da casa.
DSC_0588

Frei Galvão ficou famoso por seus poderes de cura, por isso fazem muita propaganda na cidade sobre as pílulas do Frei Galvão. Não sei o que elas curam, mas são bem divulgadas no site do santo e as vi pessoalmente na  Casa de Frei Galvão. 

Um pouco mais acima da casinha está o… 

Memorial de Frei Galvão

DSC_0591

Na entrada no memorial encontramos a estátua de Frei Galvão.

DSC_0592

 Dentro do memorial não há muita coisa, o que chama a atenção são os oratórios, todos bonitinhos.

DSC_0593

Na saída, seguindo as propagandas do memorial, vamos até a fonte de água benta. Não sei por que é benta, mas ninguém acha que precisa explicar isso, estando no Memorial ser benta parece consequência natural ao estado da água. Questionei, não. Apenas bebi.

DSC_0595

 Ainda há a Igreja do Frei Galvão e também um santuário, mas como ambos ficam longe do centro, não fui até lá.

DSC_0597

Finalizo o passeio por Guaratinguetá com a estação de trem… tão bonitinha! Lembro-me das estações de cidades pequenas da Europa.