Já ouviu falar em refeição colaborativa?

Imagem deste link
0 Flares 0 Flares ×

Imagem deste link

Imagem deste link

Como estamos na era da colaboratividade, este conceito também vem sendo aplicado no âmbito das refeições para viajantes. Há sites, como o  Meal Sharing, o Share your Meal e o Eat With, que proporcionam aos viajantes a possibilidade de comer comida caseira a um custo baixo. O  Eat With em breve contemplará, também, o Brasil.

Funciona assim: o viajante/convidado escolhe um anfitrião por meio de um dos sites com essa proposta, se o perfil do anfitrião agradar, o viajante/convidado faz a reserva. Os sites apresentam informações detalhadas sobre o produto/prestação de serviço: tipo de refeição, serve bebida alcoólica ou não, quantidade mínima de pessoas, tempo de duração, ar condicionado no local, para fumantes ou não, dentre outras.

Embora a proposta seja refeição colaborativa, os preços anunciados nesses sites variam de $13 a $115. Mas há propostas super incrementadas, que buscam um diferencial como aula de culinária e que tais.

Fico me perguntando se algum gringo comeria do meu torresmo, ou frango com quiabo, ou feijão tropeiro… Será?