Resenha: Adeus às armas (Ernest Hemingway)

1 Flares 1 Flares ×

Depois de muito tempo, voltei a ler Hemingway. Confiram!

Adeus às armas, de Ernest Hemingway

O enredo

Frederick Henry se alistou para a Primeira Guerra Mundial e foi mandado para Itália para dirigir ambulância. Lá conheceu a enfermeira escocesa Catherine, com quem, a princípio, queria apenas um envolvimento superficial. Até que Frederick foi ferido na perna e foi cuidado pela enfermeira. A partir de então o relacionamento deles fica mais sério e ela engravida. Ela não quer se casar nessa situação, prefere esperar pelo nascimento do bebê. A guerra se intensifica e batalhas pesadas ocorrem, criando um clima de desespero e fazendo o casal se desesperar. Eles preferem fugir para a Suíça para viverem em paz e constituírem sua família.

A narrativa

O livro é composto sobretudo por diálogos, fazendo lembrar um roteiro de filme. Não há perspectiva psicológica, não há um narrador contextualizando os fatos e afetos. O texto é direto e o leitor tem que interpretar tudo por meio dos diálogos, numa escrita bem objetiva.

Minhas impressões e expressões

Esse romance é considerado o melhor, ou um dos melhores, sobre a Primeira Guerra Mundial, embora muita gente pense que a guerra é apenas um pano de fundo para o romance dos dois. Acho que não. A medida em que o impacto da guerra fica mais próximo deles, mais eles se tornam essenciais um ao outro. Essa situação nos faz pensar o quanto a guerra impacta as emoções das pessoas. Podemos entender o mundo antes, durante e depois da Primeira Guerra Mundial a partir de todas essas etapas do romance deles.

Se você quiser saber todo o contexto da Primeira Guerra Mundial que importa a esse livro e como o impacto da guerra afeta o romance dos dois personagens, assista ao vídeo abaixo, em que comento minhas impressões e expressões sobre a obra.

Viaje na leitura, já que a vida real é insuficiente!

Muito +

Veja mais posts sobre textos de Hemingway

Veja mais resenhas de literatura americana

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*