Viva México, n.12: Puebla

0 Flares 0 Flares ×

 Resolvi cruzar a fronteira da Cidade do México para visitar Puebla, um cidadezinha bem próxima. Logo que chegamos à praça central de Puebla nos deparamos com a enorme…

Catedral de Puebla

DSC_1446.jpg

 Percebam o gigantismo da catedral ao compará-la com o tamanho das pessoas. De tão grande ela mal cabe na foto. 

DSC_1447.jpg

 Vejam um pouco da catedral por dentro:

DSC_1475.jpg DSC_14764.jpg

Percebam pela foto da esquerda algo que nunca vi em nenhuma outra igreja: ela não tem um corredor central, ao contrário o espaço central é ocupado. É diferente de tudo que já vi. Agora, o altar:

DSC_1477.jpg

 Bem, o que realmente impressiona nessa catedral é o tamanho dela, pois por dentro não há nada tanta beleza. Por outro lado, o mesmo já não acontece com a… 

Capela do Rosário 

DSC_1468.jpg

 Olhando por fora, não há nada de mais nessa igreja.

DSC_1467.jpg

 Mas por dentro ela é bem bonita, toda dourada em estilo barroco.

DSC_1453.jpg

 Fiquei bem distraída com todas estas imagens riquíssimas…

DSC_1455 DSC_1454
DSC_1456 DSC_1457

  … até olhar para o lado esquerdo e ficar boquiaberta com o que vi: 

DSC_1464.jpg

DSC_1466_thumb.jpg

 Essa capela é lindíssima! Fiquei extasiada com tanta beleza. Pelas imagens não consegui reproduzir nem um quarto da beleza disso tudo, pois havia muito jogo de luz e sombra e eu não podia usar flash; então ficou algo bem pálido ou escuro demais.  

DSC_1461.jpg

 Pessoalmente podemos perceber que ela é toda dourada e hipnotizante.

DSC_1462.jpg
DSC_1463.jpg

DSC_1459.jpg

DSC_1465.jpg

 Saindo da Capela do Rosário e ainda embasbacada com tanta beleza, fui visitar uma terceira igreja, que não me lembro o nome, mas é bem bonitinha. 

DSC_1482.jpg

DSC_1484.jpgEncerrando o tour pelas igrejas, se pintar uma fome, além dos inúmeros cafés e restaurantes das redondezas, ainda há o…

Mercado la Victoria 

DSC_1470.jpg

Esse é um espaço bem agradável, bonito e simples, onde encontramos lojas de roupas, artesanatos e restaurantes.

Continuando a perambular, encontrei a…

Casa del Dean

DSC_1472

Essa casa foi concluída em 1580 e é uma das construções mais antigas da cidade. É um exemplo da ornamentação renascentista do século XVI. “Dean” significa decano, por isso o nome da casa, que era propriedade e residência do decano Don Tomás de la Plaza. A fachada, inspirada no poema Os triunfos, de Petrarca, são da data de sua construção. 

Nas andnaças pelo centro histórico, captei um pouco da arquitetura de Puebla.

DSC_1448.jpg DSC_1480.jpg
DSC_1481.jpg DSC_1479.jpg

Vejam que mimoso: 

DSC_1487.jpg

Agora, um pouco das paisagens de Puebla: 

DSC_1449.jpg DSC_1478.jpg
DSC_1445.jpg DSC_1485.jpg

Tudo de interessante que há é Puebla é possível percorrer a pé. Também há museus e outros locais interessantes e bonitinhos na cidade, mas como estava com pouco tempo e choveu bastante, não foi possível aproveitar mais. A cidade é interessante e agradável, um bom bate-e-volta a partir da Cidade do México.

Não posso encerrar este post sem registrar uma frustração: um dos meus principais interesses nessa cidade era visitar a Biblioteca Palafoxiana, porém, como fui a Puebla numa segunda-feira, a biblioteca estava fechada. Descobri que é o único dia que ela fecha. Nunca vi isso, uma biblioteca fechar às segundas-feiras. Humpf… fiquei muito frustrada porque essa biblioteca parece ser o máximo e provavelmente nunca terei outra oportunidade para visitá-la. Por falar nisso…

Como chegar a Puebla

Para ir a Puebla é muito fácil e barato. Basta que você pegue o metrô e desça na estação Tasqueña, onde, ao lado, está o terminal de ônibus Autobuses del Sur e compre as passagens (~ 300 pesos ida e volta ~ 55 reais). Outra opção é contratar uma agência de viagem. Uma que me foi muito recomendada é a Wayac. O trajeto dura por volta de 2h e, chegando na cidade, você deverá pegar um ônibus ou uma van em frente à rodoviária para ir ao centro histórico (trajeto de uns 15 minutos). 

Rapidinhas

Fico chateada quando as imagens reproduzem muito mal o que vi ao vivo, como foi o caso da Capela do Rosário. No entanto, também penso que se conseguíssemos transmitir tudo por imagens, não haveria a menor graça ou estímulo em experenciar as coisas ao vivo.

Muito +

Veja o álbum fotográfico de Puebla

Veja todos os posts do México