Viva Viena!, n.7: a cidade da música

0 Flares 0 Flares ×

enho certeza de que você já ouviu que Viena é a capital da música, certo? Eu também sempre ouvia isso e ficava imaginando como seria essa cidade. Já que pisei por essas terras, resolvi “ver” a música na cidade. Vejam o que eu vi.

Ópera

DSC_0793

Não pensem que a ópera é pequenininha assim, não. Vejam o tamanho da lateral dela.

DSC_0656

Esse edifício foi inaugurado em 1869 com a ópera Don Giovanni, de Mozart. Mais do que uma casa de ópera, o espaço também é uma companhia de ópera em plena atividade desde o século XIX. Infelizmente, durante a Segunda Guerra Mundial 80% do edifício foi destruído, há pouco da construção original.

Por fora, a construção impressiona, mas por dentro é bem básica, considerando ser uma casa de espetáculos clássicos.

DSC_0795 DSC_0798
DSC_0799 DSC_0800
DSC_0805 DSC_0811

 Longe de mim dizer que a ópera é feia, só não há nada a mais nessa que não haja nas outras. Ou menos, não em termos de arquitetura, decoração. 

DSC_0797 DSC_0803
DSC_0801 DSC_0802

Para não dizerem que estou exagerando, abaixo temos imagens do auditório. 

DSC_0814 DSC_0817
DSC_0820 DSC_0823

Já em termos técnicos, ela surpreende bem. A acústica é perfeita, nas poltronas há pequenas telas onde passam as legendas dos textos das óperas em outros idiomas. Há espetáculos quase o ano todo e eles não se repetem na semana, a cada dia há um espetáculo novo. Embora muitas celebridades tenham pisado nesse palco (Maria Callas, Pavarotti, José Carreras, Plácido Domingos etc.), os valores dos espetáculos não aumentam por isso; o critério de preço é apenas a posição do assento.

São apresentados aqui apenas óperas e balés. Concertos e assemelhados ocorrem em outras casas de espetáculo.

Vejam na segunda foto abaixo os bastidores do palco. São mais de 1500 funcionários que trabalham nesse espaço para montar e desmontar palcos que recuam ou que desaparecem no subterrâneo, além de cuidarem dos efeitos sonoros e atendimento ao público.

DSC_0818 DSC_0815

Não perca a oportunidade de fazer uma visita guiada a essa Ópera. No site, há informações sobre horários, que mudam frequentemente. As visitas guiadas podem ser feitas em inglês e espanhol.

Saindo do assunto e continuando no mesmo, vamos para a…

Casa da Música

DSC_0659

Não podia faltar uma casa de música em Viena. E não está localizada em qualquer lugar, não. Está localizada num edifício em que, 1842, foi fundada a Orquestra Filarmônica de Viena.

DSC_0662

É por isso que no primeiro andar, temos o acervo documental dessa orquestra. Vejam as imagens:

DSC_0672 DSC_0673

Já no segundo andar, passamos por experiências interativas que nos ensinam sobre produção e impacto do som em nosso corpo. Há vários brinquedinhos legais para experimentarmos. 

DSC_0676

 O terceiro andar é dedicado a grandes compositores. Temos salas dedicadas a Haydn,… 

DSC_0677 DSC_0678

Mozart,…

DSC_0681 DSC_0682

Beethoven,…

DSC_0683 DSC_0686

… Schubert

DSC_0688 DSC_0690

Strauss,…

DSC_0692

 … e o Danúbio Azul. Vejam a imagem do centro da foto acima. 

DSC_0693 DSC_0694

 e Mahler.

DSC_0698

São espaços com objetos originais dos compositores e tudo. O legal é que também podemos brincar de regente. Há uma orquestra que toca de acordo com nossa regência.

Variando um pouco e perambulando por Viena, “vi” mais música. 

Academia Handel

DSC_0655

Casa de Mozart

DSC_0705

 Rua Domgasse, 5

Casa de Haydn

DSC_0892

Continuando a variar (só que não), mudarei de assunto. Vejam alguns monumentos e estátuas espalhados pela cidade.

Mozart

O mais reverenciado por aqui é Mozart, super austríaco, por isso ele está em destaque nesse post. Mas há outros importantes também. Vejam!

Beethoven Strauss
Schubert Brahms

 Viram como Viena respira música clássica? Isso porque nem mostrei as praças dedicadas a eles, outras estátuas, outras casas e outros que tais.

Rapidinhas

Confesso que pensei que iria encontrar por aqui casais a caráter valsando o Danúbio Azul pelas esquinas afora (como vemos dançarinos de tango em Buenos Aires). Mas aqui não tem isso, não. Acho que é cafona para os vienenses.

Muito +

Veja outros posts sobre Viena

Veja também o álbum fotográfico de Viena